xxx


Um futuro de sucesso pode ser desenhado sempre, a partir de qualquer momento. É pelo "Reino dos Sensos" que tento provocar você a construir esse futuro, com o emprego dos nove sensos.
Eles nasceram em programa de três sensos, criado no Japão, depois passaram a ser conhecidos como Programa 5S e atualmente são nove os sensos. Outros sensos já estão nascendo e se consolidando.
É certo que, pelo caminho, você encontrará céticos que dirão que outros seguiram a mesma estrada e fracassaram. Dirão que sua empreitada será inútil. Tenha a certeza de que haverá quem plante desconfiança, descrédito e medo no seu caminho.
Quantas pessoas, inventores e empreendedores de sucesso já passaram por isto?
A escolha é sua. A hora pode ser agora. Eu desejo a você uma boa caminhada!

quarta-feira, 28 de março de 2018

O acúmulo e o aprisionamento perverso de seres.

Embora o livro seja uma ficção que nos leva a pensar sobre a importância dos Sensos em nossa vida pessoal, profissional e nas empresas, eu busquei na vida real exemplos tristes e até perversos de verdadeiros casos de distúrbios, bem retratados no campo da medicina. Um deles é o caso da personagem “Haorda, a viúva”. No livro, uma “... viúva obsedada que tinha em seu casebre uma enorme quantidade de animais de estimação, entre gatos e cachorros, sem qualquer condição de alimentá-los e mantê-los adequadamente. Embora conhecida na aldeia como protetora dos animais, tinha nos cômodos da casa alguns animais mortos e outros muito doentes”.

Este personagem e o ambiente no qual ele é retratado realmente foi vivenciado na prática por agentes do governo que constataram o problema do acúmulo em graus elevados de um distúrbio conhecido como Disposofobia. Por outra ótica: Estamos sendo “aprisionados” por aqueles que se consideram nossos verdadeiros donos? Estamos sem receber o verdadeiro carinho e o necessário “alimento” que precisamos para ser felizes?

Assim lembra a ficção: Não permitamos que, por nosso descuido, Shogai* tome conta de nossas vidas e nos aprisione.

* O Espírito da Desordem

Licença Creative Commons
O trabalho "O acúmulo e o aprisionamento perverso de seres."
de Carlos Santarem
está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em https://reinodossensos.blogspot.com.br/.

Nenhum comentário:

Postar um comentário